top of page
  • Foto do escritorCAUÊ OLIVEIRA

Liderança estratégica: entenda como o RH pode ser peça-chave para seu desenvolvimento


As transformações sociais e mercadológicas são cada vez mais comuns, e as empresas precisam se adaptar, desenvolvendo a liderança estratégica.


Isto é, as pessoas à frente das equipes precisam pensar nos impactos de suas ações em relação aos resultados organizacionais.


Nesse cenário, o RH pode contribuir com conhecimento e condições para que as lideranças atendam às novas exigências. Ao fazer isso, será uma peça ainda mais relevante para o sucesso da empresa.


Conheça essa relação entre liderança estratégica e Recursos Humanos a seguir!


Vamos lá: o que é liderança estratégica?


A liderança estratégica é o papel de, dentro do seu contexto, criar condições favoráveis à realização de planos de negócios e sucesso nos objetivos organizacionais. Para isso, ela engaja a equipe em relação às metas comuns e atua de forma alinhada à visão da empresa como um todo.


Perceba que essa jornada é composta por estágios ou etapas de desenvolvimento. Nela, a liderança precisará de diferentes competências:

  • liderar com humanidades;

  • construir relacionamentos;

  • atingir resultados sustentáveis;

  • criar times de alta performance.

A liderança estratégica é característica de quem consegue atuar nessas diferentes frentes, de forma alinhada com os objetivos da empresa. Tais competências permitem que gestores exerçam suas tarefas e funções, mesmo as mais rotineiras, como parte de um sistema e com impacto na organização como um todo.

Por que o RH é fundamental nesse pilar?


As lideranças da empresa podem contar com a parceria do RH ao buscarem uma atuação mais estratégica. É uma proximidade essencial para garantir que todos os processos e mensagens sejam passados de forma eficaz e unificada.


Na prática, a empresa precisa caminhar no sentido planejado pela administração, em vez de cada grupo específico cuidar apenas de seus resultados setoriais. Para isso, os aspectos e as ações pensadas de forma estratégica precisam, de fato, serem cumpridos pelas diferentes equipes.


A parceria permite mais integração na empresa. As pessoas à frente das equipes podem participar mais ativamente de processos de gestão de pessoas, como:

  • avaliação;

  • capacitação;

  • recrutamento.

E o RH pode auxiliar as lideranças em suas missões, como:

  • motivação;

  • engajamento;

  • produtividade da equipe.

Quais ações podem ajudar a parceria entre RH e liderança?


Em relação à atuação do RH, podemos indicar algumas ações que serão úteis no sentido de dar apoio à liderança estratégia. Confira três delas!


Incorpore uma cultura de RH orientado por dados

O RH pode auxiliar as lideranças com conhecimento a respeito das pessoas e do ambiente de trabalho, utilizando principalmente da análise de dados.


Na prática, os resultados de People Analytics, pesquisa de clima, avaliação de desempenho e demais ferramentas podem ser compartilhados.


Com isso, promove-se uma atuação conjunta, trabalhando os resultados obtidos. Até porque, as lideranças estão mais próximas das equipes, e seus pontos de vista podem contribuir para criar planos de ação mais efetivos.


Identifique as necessidades de capacitações dos times


A atuação do RH pode compartilhar a tarefa de desenvolver pessoas com as lideranças. É algo de grande interesse para quem faz a gestão da equipe, pois o sucesso da liderança depende bastante de contar com as competências e experiências necessárias nos times, e não apenas com performance individual.


Com a participação do RH, a empresa saberá exatamente quais são as necessidades de capacitação das equipes e dos setores. E todos podem atuar de forma alinhada em relação às iniciativas de educação necessárias para preencher essas lacunas. O que será ainda mais efetivo se o setor estiver orientado por dados.


Desenvolva lideranças


As lideranças podem contar com o apoio do RH para suprirem suas necessidades de competências e experiências. Isso porque, o setor tem chances de promover os processos de desenvolvimento por meio de capacitações específicas.


Tudo começa com feedbacks construtivos e bem fundamentados. O apoio com dados, por exemplo, ajuda a sensibilizar as pessoas, além de mapear as necessidades de desenvolvimento.


Além disso, o RH pode buscar parceiros com o objetivo de promover a formação de liderança. Trata-se de dar o apoio para que as pessoas percorrem os estágios de liderança, desenvolvendo as competências de modo a contribuírem no sucesso da empresa como um todo.


Assim, liderança estratégica e RH podem estar integradas em diferentes pontos.

Logo, se você atua na gestão desse setor ou exerce uma função de liderança, vale a pena buscar uma aproximação, criando iniciativas em conjunto ao desenvolvimento de competências.

Viu só?! O alinhamento entre RH e liderança é uma boa prática para promover o sucesso das empresas.


Para conhecer ações de gestão de pessoas com impacto nos negócios, siga a Youleader no Facebook, Instagram e LinkedIn!

2 visualizações0 comentário

Comments


bottom of page